A força das mulheres progressistas de Rondônia

30 de novembro de 2022

Compartilhe

Retomando a nossa série de matérias sobre as mulheres progressistas de Rondônia, vamos falar sobre as trajetórias das candidatas Tânia e Marilza. Tânia Pires, de Porto Velho, foi candidata a deputada federal. Tânia é uma mulher competente e sempre gostou de servir às pessoas. Ela é assistente social, sanitarista, pedagoga, funcionária pública aposentada e empresária no ramo da construção. Ufa! Achou muito? Pois ela encarou o desafio de se candidatar a um cargo público por acreditar que as mulheres podem fazer a diferença na política.

“Encarei como mais um desafio, pois acredito que a nossa política precisa de pessoas comprometidas de fato. Escolhi o Partido Progressista por me identificar e por acreditar em suas diretrizes”, conta.

Tânia acredita que a mudança somente poderá ocorrer quando a sociedade parar de somente reclamar dos políticos e passar a prestar mais atenção em suas propostas para, assim, escolher as melhores opções. “Sempre atuei como executiva tanto no poder público como no setor privado. Atualmente, participo de trabalhos sociais voluntários”, conta.

Uma outra mulher progressista de garra e coragem, é Marilza Cristina, que já é vereadora em Alta Floresta D’Oeste. Em 2022, ela aceitou o desafio de concorrer a uma vaga de deputada estadual por Rondônia. “Eu me filiei ao PP em 2016 e logo me candidatei, sendo a segunda vereadora mais votada. Depois, fui reeleita, sendo a primeira com o maior número de votos em Alta Floresta”, afirma.

Ela conta como foi a sua experiência no pleito de 2022, quando decidiu lutar por uma vaga na Assembleia Legislativa. “Mesmo não conseguindo me eleger, eu posso afirmar que a experiência foi muito positiva, pois adquiri muitos amigos e conhecimentos”.

O que Tânia e Marilza têm em comum, além de serem progressistas? É o fato de acreditarem em um futuro melhor para o nosso país. “Mesmo que não seja dentro da política, é importante que a gente utilize um pouco do nosso tempo para participar de ações em que possamos nos sentir úteis, pois somos todos capazes de fazer a diferença”, afirma Tânia. Ela diz que ainda não decidiu se pretende disputar uma nova eleição nos próximos anos. “Só o tempo irá responder”.

Já Marilza quer seguir na política para contribuir cada vez mais com a sociedade. “Sei que faço o meu melhor para a população”, conclui a vereadora.

Continue acompanhando a nossa série de matérias sobre as mulheres progressistas de Rondônia.

Confira a lista das mulheres progressistas que concorreram nas eleições de 2022 pelo estado de Rondônia:

Candidatas a Deputadas Estaduais
* Débora Brasil, de Vilhena;
* Jeane Patrícia, de Ponta do Abunã;
* Marcia Socorrista, de Porto Velho;
* Marilza da Revil Móveis, de Alta Floresta;
* Pastora Janilce, de Porto Velho;
* Juliana do KajuBistrô, de Porto Velho;
* Ana Barros, de Porto Velho;
* Cris Farias, de Porto Velho.

Candidatas a Deputadas Federais
* Marlúcia Oliveira, de Machadinho D’Oeste;
* Tânia Pires, de Porto Velho.

Candidata a Senadora
* Jaqueline Cassol, de Cacoal.

Muito obrigada, Rondônia!

31 de janeiro de 2023. Hoje, oficialmente, encerro o meu mandato de deputada federal. Durante esses quatro últimos anos, eu me dediquei diariamente para representar