×

Projeto Visão: Deputada Jaqueline Cassol destina recursos para atender pacientes com catarata no interior de Rondônia

R$ 6,1 milhões foram investidos para realizar mutirões de cirurgia em Cacoal e Vilhena

Para atender a população de Rondônia que aguarda na fila por uma cirurgia eletiva de catarata, a deputada federal Jaqueline Cassol (PP/RO) lançou o Programa Visão. Inicialmente a ação vai beneficiar moradores da região do Cone Sul, Zona da Mata, BR-429 e toda região Café, com recurso extraorçamentário de R$ 6,1 milhões destinados pela deputada federal Jaqueline Cassol. “Percebo que no estado de Rondônia muitos idosos estão perdendo a visão por não conseguir fazer a cirurgia. Portanto, assim que tive oportunidade, busquei uma forma de atender essas pessoas, que esperam há anos”, destacou a parlamentar.

Projeto Visão: Deputada Jaqueline Cassol destina recursos para atender pacientes com catarata no interior de Rondônia - projeto-visao - jaqueline cassol

Nesta primeira fase do Programa Visão, o município de Vilhena recebeu R$ 2,45 milhões e o Governo do Estado, através da Secretaria de Saúde (Sesau), R$ 3,65 milhões, para realizar a ação no Hospital Regional de Cacoal. A prefeitura de Vilhena e a Secretaria de Saúde do Estado vão realizar chamamentos públicos para contratar empresas que realizarão os mutirões.

Projeto Visão: Deputada Jaqueline Cassol destina recursos para atender pacientes com catarata no interior de Rondônia - projeto-visao - jaqueline cassol

Deputada Jaqueline Cassol e prefeita de Cacoal Glaucione Rodrigues

De acordo com o secretário de Saúde de Vilhena, Afonso Lochs, as empresas interessadas já estão sendo cadastradas. A expectativa é que o mutirão seja realizado no município em outubro. A prefeitura está calculando o número de pessoas que serão atendidas na região do Cone Sul. Já na região da Zona da Mata, BR-429 e Capital do Café, quase 800 pessoas aguardam pela cirurgia, segundo a Sesau.

O Prefeito de Vilhena, Eduardo Japonês (PV), e a prefeita de Cacoal, Glaucione Rodrigues (MDB), agradeceram o compromisso da deputada com a população. Jaqueline Cassol destacou ter escolhido esses municípios, para os primeiros investimentos, porque são polos de saúde. “Os hospitais de Vilhena e Cacoal atendem os moradores de vários municípios vizinhos. Destinando recursos para essas cidades, acredito que vamos otimizar o investimento e beneficiar mais pessoas”. A parlamentar frisou ainda que essa é apenas a primeira fase do Projeto Visão e que muitos outros municípios serão atendidos ao longo dos próximos anos.

PROJETO VISÃO

*PROJETO VISÃO*Já está na conta do município de Vilhena o recurso de R$2,45 milhões para realizar o mutirão de cirurgia para correção de catarata. Com isso, o PROJETO VISÃO beneficiará a população de Vilhena e Cone Sul. Mais R$3,65 milhões foram destinados para o Hospital Regional de Cacoal para atender os pacientes da cidade, região da Zona da Mata e BR-429….#deputadafederaljaquelinecassol #projetovisao #mulherdepalavra #rondonia #progressistasro #vilhena #cacoal

Posted by Jaqueline Cassol on Wednesday, July 10, 2019

Catarata

É uma doença que atinge quase metade dos idosos no Brasil e, conforme avança a idade, aumenta a proporção de pessoas com o problema. Segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, após os 75 anos, mais de 73% da população é acometida pela doença. Em alguns casos a catarata leva à cegueira e, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, a quantidade varia de acordo com indicativos socioeconômicos. Isto é, em regiões economicamente estabelecidas apenas 5% dos doentes com catarata perdem a visão, em regiões mais pobres pode ultrapassar 50%.

No entanto, com a cirurgia de correção de catarata, a cegueira pode ser evitada. Quando acompanhada por um profissional competente, a cirurgia é rápida, segura e devolve a visão ao paciente em pouquíssimo tempo, a não ser que ele tenha outras doenças oculares.

Projeto Visão: Deputada Jaqueline Cassol destina recursos para atender pacientes com catarata no interior de Rondônia - projeto-visao - jaqueline cassol

Fonte: Assessoria

Accessibilidade