×

Deputada Jaqueline Cassol cobra reabertura dos aeroportos do Interior

O pedido foi feito ao ministro Tarcísio Freitas e ao Secretário Nacional de Aviação Civil Ronei Saggioro Glanzmann.

deputada jaqueline cassol cobra reabertura dos aeroportos do interior - Deputada Jaqueline Cassol cobra reabertura dos aeroportos do Interior

A deputada federal Jaqueline Cassol cobrou do Ministério da Infraestrutura e da Secretaria Nacional da Aviação Civil a reabertura dos aeroportos do interior de Rondônia. Os aeroportos estão fechados devido à pandemia do coronavírus, porém possuem problemas de infraestrutura que impedem o pouso e decolagem de aeronaves.

Os três aeroportos do interior do estado – Cacoal, Ji-Paraná e Vilhena, estão fechados desde março e a Azul, única empresa que opera voos nos locais afirmou em entrevista que não pretende incluir os aeroportos na malha área enquanto não forem realizadas melhorias estruturais.

“O cancelamento desses voos trará prejuízos econômicos incalculáveis para o Estado de Rondônia”, disse a deputada.

O diretor da Azul Viagens, Marcelo Bento Ribeiro afirmou que a empresa aguarda readequações nos aeródromos para fazer a retomada dos voos. “Os aeroportos apresentam problemas de infraestrutura que nos preocupam como falhas na cerca operacional, sinalização, defeitos na pista de pouso e decolagem. Ji-Paraná precisa também de equipamento para operação por instrumentos que permite voos noturnos”, disse em entrevista para o Jornal de Rondônia 1a Edição.

A deputada Jaqueline Cassol informou que o Governo do Estado tem tido dificuldades para aprovação dos projetos de melhorias na Secretária Nacional da Aviação Civil e que para o aeropoprto de Cacoal só falta homologar os processos da compra de instrumentos auxiliar nos pousos e decolagens, após isso o teste com a aeronave das Forças Aéreas Brasileiras (FAB).

O aeroporto de Vilhena atende passageiros de seis municípios do Cone Sul que estão distante mais de 700 km da capital Porto Velho, Cacoal abrange 34 municípios e está há 480 km do aeroporto de Porto Velho. Já Ji-Paraná, no centro do Estado, fica há 380 km.

“A única via de acesso a Porto Velho é a BR-364, que está com vários trechos em péssimas condições de trafegabilidade, com trânsito diário de milhares de carretas e veículos pesados que transportam produtos agrícolas do Norte de Mato Grosso para serem escoados pelo porto de Porto Velho”, explicou Jaqueline Cassol.

O Ministro e o Secretário Nacional se comprometeram em agilizar os trâmites para possibilitar a reabertura.

“A deputada Jaqueline tem toda a razão a pandemia afetou drasticamente a aviação. A boa notícia é que as obras no terminal de passageiros de Cacoal já estão em andamento”, destacou o secretário nacional. “O que ressaltamos é que embora o DER de Rondônia tenha tido muitos esforços, a expertise do órgão é para projetos rodoviários, por isso temos sugerido que o Estado contrate a Infraero para a elaboração dos projetos de reparos, já que tem bastante experiência com terminais aeroportuários”, completou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Accessibilidade