×

Bancada federal de Rondônia disponibiliza R$ 11 milhões para compra de vacina contra covid-19

Reunião aconteceu na noite desta quarta-feira em Brasília

Bancada federal de Rondônia disponibiliza R$ 11 milhões para compra de vacina contra  covid-19 - noticias - jaqueline cassol
Os deputados federais e senadores que compõe a bancada federal de Rondônia definiram nessa quarta-feira (24) a destinação de emenda no valor de R$ 11 milhões para a compra de vacinas contra a covid-19. Os recursos de emenda de bancada serão disponibilizados para o Governo do Estado adquirir as doses das vacinas e encaminhar aos municípios. Cada parlamentar destinará  R$ 1 milhão de sua cota para compor o valor.

A deputada Jaqueline Cassol (PP-RO) ressaltou que a medida irá beneficiar os 52 municípios rondonienses. “Estamos unidos para combater a Covid-19  e garantir mais saúde para a população. Entendemos que nesse momento a pauta mais urgente é a vacinação do nosso povo, por isso estamos destinando R$ 11 milhões da nossa emenda de bancada para que as doses cheguem a todos os municípios”, disse. “Nossa prioridade é cuidar das pessoas”, completou

O anúncio dos recursos foi feito ao final da reunião a cerca de 10  prefeitos e 20 vereadores que estão em Brasília.

Bancada federal de Rondônia disponibiliza R$ 11 milhões para compra de vacina contra  covid-19 - noticias - jaqueline cassol

A deputada destacou ainda que a bancada também irá destinar emenda para o programa Calha Norte a fim de garantir maquinários às prefeituras. “O programa contribuiu para o desenvolvimento da Região Amazônica com obras de infraestrutura que fazem a diferença na vida de milhares de brasileiros. Com ele,é possível a aquisição de maquinários, uma grande demanda dos prefeitos do nosso estado”, contou.

A bancada federal de Rondônia é formada pelos deputados Jaqueline Cassol (PP), Mariana Carvalho (PSDB), Silvia Cristina (PDT), Lúcio Moschini (MDB), Coronel Chrisóstomo (PSL), Dr. Mauro Nazif (PSB), Expedito Netto (PSD), Léo Moraes (PODE) e pelos senadores Confúcio Moura, Marcos Rogério e Acir Gurgacz.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação

Accessibilidade