Jaqueline Cassol é a única candidata ao senado a defender o ensino público superior

23 de setembro de 2022

Em evento promovido pela Unir, Jaqueline afirmou que vai trabalhar pela ampliação de vagas no curso de medicina da Unir

Compartilhe

A futura senadora Jaqueline Cassol (Progressistas) participou, na noite desta quinta-feira (22), da Roda de Conversa promovida pela Associação dos Docentes da Unir (Adunir) e Diretório Central dos Estudantes (DCE), que reuniu candidatos ao Congresso Nacional, sendo a única candidata entre os que disputam o Senado presente no evento. Participaram também outros seis candidatos a deputado federal.

Em sua apresentação, Jaqueline foi enfática ao defender “o ensino público gratuito 111%” e garantiu que como candidata ao Senado poderá fazer mais pela educação, pois “tenho experiência, tenho compromisso e conheço a realidade” 

A candidata também demonstrou o que já fez, como a destinação de emendas para a educação, que em 3,5 anos como deputada federal somaram mais de R$ 35 milhões, sendo R$ 5 milhões para a Unir.  

Jaqueline Cassol lamentou a ausência dos demais candidatos ao Senado Federal. Segundo ela, é preocupante não saber quais os reais interesses e compromisso deles para com a educação superior pública e gratuita. 

“Eu defendo a educação pública superior, defendo e sou parceira da Unir. Os demais candidatos também deveriam estar aqui, se comprometendo com o fortalecimento da Unir e não de faculdades particulares. Eu defendo ampliação de vagas no curso de medicina da Unir” enfatizou Jaqueline.

Durante sua fala, Jaqueline falou sobre ser a autora da Lei do Revalida que instituiu a realização duas vezes ao ano da prova para os médicos formados no exterior poderem exercer a profissão no Brasil. “Muitos brasileiros foram beneficiados, pois infelizmente tem de ir se formar no exterior devido o alto valor das mensalidades das instituições particulares aqui no país e que após formados não podiam praticar a medicina em seu país”

A fala dela, inclusive, foi reforçada pelo candidato a deputado federal Vinicius Miguel (PSB). “A candidata Jaqueline Cassol foi maravilhosa ao lembrar que as outras candidaturas ao Congresso, em sua maioria, priorizam o ensino particular. Não é à toa que todas as nossas instituições estão sucateadas. Não é à toa que os servidores públicos estão com os salários congelados”.

Ao ser indagada sobre qual modelo de ensino superior defende, a candidata disse defender a universalização do ensino superior público e gratuito, com um maior número de vagas e estrutura para a Unir, “especialmente no curso de medicina, para que os nossos jovens possam se formar aqui. Inclusive, já assumi o compromisso de destinar R$ 30 milhões para as obras do hospital universitário aqui da nossa Universidade Federal” destacou Jaqueline.  

Unir

Para a Unir, Jaqueline destinou mais de R$ 5 milhões, sendo R$ 1 milhão para a modernização do Datacenter, em Porto Velho; outros R$ 400 mil para o campus de Guajará-Mirim. Para Cacoal, foram R$ 600 mil para a conclusão da obra do Espaço Multifuncional e mais R$ 350 mil para a aquisição de computadores para implantação do Laboratório de Informática, no curso de Engenharia. Rolim de Moura recebeu R$ 500 mil para a conclusão do Restaurante Universitário e atualização e ampliação do parque de computadores. Outros R$ 2,5 milhões foram destinados para apoiar ações de custeio e manutenção da Unir.

Fonte: Assessoria.